Audiosurf

[Post originalmente publicado no Working Class Anti-Hero]

No começo de fevereiro — quando eu estava com pouco tempo para mexer no blog — conheci um pequeno game independente que tinha uma idéia bastante interessante. Audiosurf combina jogo de corrida abstrato (gráficos geométricos e coloridos, no lugar de pistas de carro, veículos licenciados e tudo mais) com game musical e quebra-cabeças de uma maneira que praticamente dá fator replay infinito…

O jogo constrói as pistas, obstáculos e relevo de acordo com a música que você selecionar em seu CD, MP3 ou seja lá o que for. Isto é, se você coloca uma música rápida, o trajeto será mais íngreme; uma música lenta tende a mostrar sua nave subindo uma ladeira; uma virada de bateria forma um túnel, e por aí vai. E se você considera que cada música existente cria uma pista diferente, faça aí as contas de quantos estágios diferentes podem existir, bastando que você a escolha no jogo. O negócio é viciante, e ainda rola um ranking online para comparar quem se saiu melhor em qual música — e se você criar a continha grátis no jogo, você ainda é notificado por email se alguém passou seu recorde. Competitividade é isso.

… e após algumas semanas de fase beta, a melhor notícia: o jogo está à venda no Steam, e você ainda leva a trilha sonora de The Orange Box de lambuja. US$ 9,95. Vai que vale a pena.